quinta-feira, 14 de março de 2013

Coisa estranha é se apaixonar.

Coisa estranha demais!
Pensa que esquisito. Você conhece um monte de gente todos os dias, fica com uns de vez em quando (ou nao hahah) e do nada apaixona-se por um.
De repente vc pensa na pessoa o tempo todo, quer compartilhar tudo com ela, ri sozinho lembrando dela... e ainda tem aquele momento que vc pensa "Putz, me ferrei! To apaixonado"!
Alguém que nem passava na sua cabeça há pouco tempo agora domina os seus pensamentos.
E quando estão juntos? Ah que delícia é trocar carícias quando se gosta. Parece que vem de dentro... e a gente sente essa diferença.
A questão é: por que aquela pessoa? Pessoas bonitas, inteligentes, gente boa, de bom caráter, trabalhadoras, animadas... tem aos montes! Sério! Conheço várias! Tenho amigas assim solteiras, se vc se interessar hahaha Mas por que aquela pessoa em especial? Química? Não, cara! Vc tem muita química com aquele outro e nunca se apaixonou por ele!
Qual é o mistério?
Eu sei que as pessoas são únicas. Cada um tem suas singularidades... mas vem cá, quando vc se apaixonou aquela última vez foi pq? O que ele tinha de especial? O que ela fazia de diferente? Será que não existiam outras pessoas ao redor com aquela mesma característica, mas que sequer te chamaram a atenção?
Eu sei que tinham. Mas não era ELE! Não era ELA!
Então..
   Feitiço, só pode!!! hahaha

Laís Prudente de Andrade, 14/03/2013


6 comentários:

  1. Bota estranho nisso. Mas eu ainda acho que somos nós quem fazemos alguém se tornar especial. Pq se vc for pensar no sentido oposto ao que vc escreveu, quantas pessoas interessantes passam por nós sem que nem mesmo percebamos?
    Às vezes o cara atrás de você na fila na padaria poderia ser aquele "homem da sua vida", mas no final das contas ambos vão embora sem ter trocado sequer um olhar. Continuam dois estranhos seguindo com as suas vidas separadas, quando, TALVEZ, tudo poderia ser diferente se houvesse um simples "oi".
    Quero dizer, qualquer pessoa (ou QUASE qualquer, pq tem umas pessoas q realmente não dá hahah) poderia ser uma paixão em potencial, mas ainda assim, entre tantas outras, você escolheu foi aquela.
    A pessoa não é especial pelo que ela é, mas pelo que você sente por ela.
    Se você tivesse postado a sua foto fantasiada de bruxa junto com esse texto, aí eu acreditava mesmo que era feitiço. haha
    E se apaixonar é bom, mesmo que no final as coisas não deem certo, mas mesmo assim enquanto dura é uma sensação boa. Está apaixonada?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é... é como eu disse: um monte de gente interessante e a gente arruma olhos só pra uma! É o feitiço (que a gente cria)! Todo mundo deve ser meio bruxo no final das contas hahaha Minha fantasia era real, né? kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
      Não estou apaixonada... eu sou! kkkkkkkkk Por causa da sensação boa...

      Excluir
  2. É, acho que todo mundo tem um pouco de bruxo, um pouco de príncipe, um pouco de sapo.

    E realmente, to achando que sua fantasia era mais real do que eu pensava. hahaha Mas ao menos seus "encantos" são bem reais e não precisam de nenhuma poção (o trocadilho foi péssimo, mas dá um desconto pelo horário).

    Já eu, sou romântico, mas tem muito tempo que eu não me apaixono. Acho q eu estou precisando conhecer uma das suas amigas que você mencionou no post. =D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ótimo trocadilho! Não vi nenhum problema nele hahahahahahhaha
      Então, minhas amigas são bem especiais mesmo! Vou apresentar! =)

      Excluir
  3. Se apaixonar é andar na rua sozinha e pensar na pessoa e sem querer soltar um sorriso largo que faz com que as pessoas que passam te olhem como se voce fosse doida.

    ResponderExcluir